COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS

COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS. À primeira vista muitas vezes estamos em busca de inovações. Estando as mesmas ligada junto  a modernidade virtual. Ao mesmo tempo em testar um sistema operacional. Ou mesmo nos utilizarmos de software que só funciona em outra plataforma.

Mas ao mesmo tempo preservando a  utilização do Windows. Dessa forma podemos recorrer à uma máquina virtual. Que sendo as mesmas perfeitas para resolver esse tipo de problema. Mas para quem precisa de uma ajuda em criar uma máquina virtual no Windows.

VEJA TAMBÉM – VANTAGENS DO AR CONDICIONADO PORTÁTIL

Abaixo um passo a passo do mesmo modo utilizando o Virtual Box. Sendo o mesmo um software gratuito de virtualização. Que ao mesmo tempo vindo a nos oferecer um suporte completo e de ótima qualidade.

Novas experiências sempre sendo as mesmas muito bem vindas. Saindo da zona de conforto e ao mesmo tempo desbravando outros novos horizontes.

COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS

Criação do Disco Virtual

COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS COMO APLICAR CORRETAMENTE
COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS

1.a –  A princípio nesta etapa descreva a sua máquina virtual. Dessa forma entrando com um nome para identificá-la e selecionando as opções de “Sistema Operacional” e “Versão”. O mais específicas possíveis para que o programa selecione as melhores opções nas próximas etapas.

1.b – Por outro lado só não esqueça quando alocar uma determinada quantidade de memória na máquina virtual. De que esta quantidade de memória não estará mais disponível para o Windows. Enquanto a máquina virtual estiver ligada. Caso for instalar uma versão do Linux, 512 MB sendo a mesma suficientes. Ao mesmo tempo atendendo para uma versão do Windows 7 utilize ao menos 1 GB.

publicidade

1.c – Agora o programa ira pedir que seja criado um novo disco virtual. E que será visto como um arquivo para o sistema. Mas será o tamanho que a nova máquina virtual terá disponível.

COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS

1.d – Do mesmo modo quando escolher o formato. Deixe o padrão do programa (VDI – VirtualBox Disk Image)  os outros sendo utilizados para finalidades específicas.

1.e – Na seção detalhes de disco a opção. Dinamicamente alocado. Ira dessa forma ocupando espaço conforme a demanda até chegar ao limite. Que será escolhido na próxima tela (8 GB, no caso). Assim fazendo uma economia em disco. No “Tamanho Fixo”. Um disco virtual do tamanho determinado sendo o mesm criado de uma única vez.

1.f – Crie desse modo um disco do tamanho que você supõe preencherá as suas necessidades. Como por exemplo  8 GB.

1.g – A próxima janela mostrará um sumário das configurações escolhidas. Agora esta em só clicar em “Criar”.

1.h – Dessa mesma forma a máquina virtual estará criada. Mostrando o status “Desligada”. Sendo que para liga-la devemos  selecioná-la e clicar em “Iniciar”.

COMO CRIAR UMA MAQUINA VIRTUAL NO WINDOWS

Escolha Imagem do Sistema Operacional

2.1 – Quando iniciamos a máquina virtual pela primeira vez. O “Assistente de Primeira Execução” aparecerá para selecionar qual sistema operacional deverá ser iniciado.

2.2 – Clique no ícone que tem a forma de pasta com uma seta verde para cima. Para abrir o Windows Explorer e selecionar o arquivo.

2.3 – Selecione a imagem do sistema operacional que deseja instalar. Como por exemplo o Ubuntu. Uma distribuição do Linux.

publicidade

2.4 – Nesse ínterim um sumário final sendo o mesmo mostrado com todos os detalhes do arquivo. E ao mesmo tempo fornecendo algumas informações importantes. Agora um sumário final sendo mostrado com todos os detalhes do arquivo e oferecendo algumas informações importantes. A máquina virtual está preparada para entrar em processo de boot.

Add a Comment